Vão encontrá-lo algures

A viagem elaborada durante certa inquietação/irritação ao lugar onde se está agora. Aquele que faz as malas para fugir (e o verbo não seria outro), que quer se ver livre dos vícios geográficos da própria morada. «Vou de viagem porque não aguento mais este prédio, estas ruas, este céu, ou mesmo a cara de Fulano(a)», diz-se. De aí a ojeriza que o viajante pode sentir por aqueles que não querem trocar de sítio, por aqueles que se sentem confortáveis no quarto de sempre. Viajante que não admite, ou melhor, que não aceita que o espaço que tanto lhe oprime possa ser um canto confortável para almas menos irascíveis etc.

— P. R. Cunha

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s