A culpa é do jazz

Se a cafeína e o tabaco se misturam
no céu da minha boca
— a culpa é do jazz
Se me perco em devaneios
— a culpa é do jazz
Se feito um louco converso
com o trompete de Miles Davis
— a culpa é do jazz
Se me apaixono
— a culpa é do jazz
Se te odeio
— a culpa é do jazz
Se sonho com uma época
perdida & desiludida
— a culpa é do jazz
Se ilustro um requiem
para o meu desespero
— a culpa é do jazz
E se escrevo estas linhas
— a culpa é sempre
do jazz.

— P. R. Cunha

2 opiniões sobre “A culpa é do jazz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s