Sr. Anselmo – parte 7

Depois de certa idade, diz o sr. Anselmo, um velho como eu está autorizado a opinar sobre qualquer coisa. Temos carta branca, ele acrescenta. É claro que costumo oferecer o benefício da dúvida, continua o sr. Anselmo, mas a ideia de um deus a criar este universo assustadoramente gigantesco que não para de inflar parece-me algo indigesto. Entretanto, pensemos com contexto. Se esse deus existisse: ele seria tal e qual aquele pai desnaturado que numa tarde cinzenta de domingo diz aos filhos que só vai ali até ao posto de gasolina comprar cigarros e que nunca mais volta para casa.

— P. R. Cunha

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s