O desconforto

As antenas das novas comunicações 5G tinham começado a lhe incomodar. Ele andava a sentir umas náuseas, ânsia de vômito e escutava (ou pelo menos achava que escutava) uns ruídos estranhos em baixa frequência. Era a mesma sensação que assolava-lhe quando se aproximava de mais do microondas. Acontece que esta noite os enjoos mostravam-se ainda piores. Ele tentou tapar os ouvidos primeiro com os travesseiros, depois acrescentou as cobertas, a almofada cinza que ganhara de aniversário da Sheila. Nada. Os ruídos graves permaneciam, como se um zangão moribundo morasse dentro da própria caixa craniana. Ele sabia que a fonte daquele desconforto que beirava o insuportável era a nova rede de antenas 5G. Não que algum especialista tivesse lhe garantido isso nem nada, ele apenas sabia.

— P. R. Cunha

Uma opinião sobre “O desconforto

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s